O aceite foi publicado no Diário Oficial da União, em 31/12/2020, habilitando o instituto a realizar atividades de pesquisa e desenvolvimento com recursos de PD&I.

 

O Sidia Instituto de Ciência e Tecnologia recebeu credenciamento como Unidade de Pesquisa pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O aceite foi publicado no Diário Oficial da União no dia 31 de dezembro de 2020.

Com o credenciamento, o Sidia agora está habilitado a realizar projetos com recursos provenientes da Cláusula de Investimento em Pesquisa e Desenvolvimento nos seguintes temas: “Avaliação da Conformidade e Monitoramento” e “Segurança e Meio Ambiente”.

Pela legislação brasileira, as empresas com contratos para exploração, desenvolvimento e produção de petróleo e gás natural devem investir 1% da receita bruta em PD&I. Parte deste investimento só pode ser realizado por instituições credenciadas pela ANP.

Este é o reconhecimento formal de que o Sidia tem competências técnicas e operacionais para atuar em atividades de pesquisa e desenvolvimento em áreas de interesse para o setor de petróleo, gás natural e biocombustíveis”, explica o gerente sênior de Novos Negócios do Sidia, Paulo Melo. “O credenciamento reforça a nossa atuação na área de óleo e gás que iniciamos em 2020. Assim, em 2021 esperamos ter mais projetos de PD&I, podendo desenvolver soluções tecnológicas para o setor”.